Farmacêuticos de Manaus concluem participação em curso do CFF

Encerrou, nesta quinta-feira, 12/7, o curso ‘Cuidado Farmacêutico no SUS – Capacitação em Serviços’, promovido pelo Conselho Federal de Farmácia (CFF) e com apoio total do Conselho Regional de Farmácia (CRF-AM). Ao todo, 78 farmacêuticos da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) participaram dos módulos oferecidos.

O curso iniciou em setembro do ano passado e foram ministrados seis módulos. O propósito é contribuir para a capacitação de profissionais com a implantação de serviços farmacêuticos e sua consolidação no SUS.

“Desta forma, estamos levando capacitação para profissionais farmacêuticos do serviço público municipal.  Esta é uma maneira de trazer informações atualizadas e auxiliar na implementação dos serviços farmacêuticos que, no caso, são os consultórios farmacêuticos do município”, destacou o presidente do CRF-AM, Jardel Araújo da Silva.

Capacitação

Entre os assuntos abordados nos módulos estão os serviços farmacêuticos diretamente destinados ao paciente, à família e à comunidade; marcos legais; inserção da assistência farmacêutica nas redes de atenção à saúde; e a Política Nacional de Segurança do Paciente. Nos demais serão abordados os Problemas de saúde autolimitados (módulo 2), Hipertensão Arterial Sistêmica (módulo 3), Diabetes mellitus tipos 1 e 2 (módulo 4) e Fitoterápicos (módulo 5). Nesta quarta-feira, houve o último módulo sobre Saúde Mental, que não estava previsto inicialmente, mas acabou sendo incluído por conta da importância dentro do tratamento do paciente.  

“A participação de todos foi muito importante.  Eles realmente estiveram comprometidos e estão aptos a aplicar o que foi passado no curso”, finalizou o presidente do CRF-AM.

Visita a unidades

Ainda durante a programação do curso em Manaus, representantes do CFF, junto com a diretoria do CRF-AM, visitaram duas unidades de saúde do município. "O que a gente quer é verificar no dia a dia do farmacêutico os fatores que podem facilitar ou obstruir a prática dos serviços farmacêuticos no SUS. A gente aproveita para observar a estrutura física, os recursos e conhecer a prática do profissional para que possamos desenvolver estratégias para melhor aproveitamento do que eles aprenderam no curso", afirmou Lorena Baía, representante do CFF e presidente do Conselho Regional de Farmácia de Goiás. 

"O curso é uma grande oportunidade de aprendizado pra gente. Faltam ainda as condições adequadas, em estrutura e RH, mas é uma grande oportunidade de valorização da nossa profissão, de sair do nosso comodismo e fazer a clinica farmacêutica", avaliou a a farmacêutica Giselle dos Reis, da UBS Mansour Bulbol. 

Confira o vídeo da visita: